3.9.13

Feira quinzenal de ESPOSENDE que futuro ?...



Esposende 02 de Setembro de 2013,logo de madrugada os feirantes depararam com um significativo contingente de agentes  da Gnr,alguns dos quais do piquete de intervenção,motivo control de entradas dos feirantes que ainda vão pagando as altissimas taxas que este municipio teima em manter,sendo assim os que não pagam nem sequer apareceram na grande maioria e os que restam é uma questão de tempo. No meu caso particular fui a semana passada preencher um formulário a solicitar a desistência do lugar que ocupo nesta feira,mas segundo o rigoroso regulamento terei que pagar dois meses e só depois é  que poderei procurar uma feira mais rentável e menos ruinosa das verbas que vamos apurando noutros locais . Á cerca de oito dias deixei as minhas sugestões no impresso da desistência como já o tinha feito em outras ocasioes ,sei que estar num gabinete é muito mais fácil de obrigar a que se cumpra na totalidade aquilo que se coloca em regulamentos e decretos,mas a realidade dos factos é muito mais dura de constatar e quando as coisas se tornam irremediavéis certamente que irão surgir tecnicos altamente qualificados a fazerem estatisticas e a buscarem soluções milagrosas para remediarem sucessivos erros de que se limita a fazer cumprir os ditos regulamentos e editais.
Resta-me desejar força aos colegas que ainda vão tendo coragem em continuar nesta feira quinzenal que por sinal até é das que mais condições de utilização tem,mas no entanto falta o mais importante que é o movimento de clientes e um preço de terrado compativel com esse reduzido movimento.
Próxima feira certamente que serão contratados mais umas dezenas de agentes para o respectivo control de possiveis faltosos não entarem sem as taxas que ao menos ainda daram para pagar esta ridicula forma de mostrar quem é que manda afinal...olhem que os que não pagam nunca saiem prejudicados ,isso toda a gente sabe  mas ainda á quem pense que com ameaças de força as coisas se resolvem a ver vamos e eu restame pagar mais dois meses de agonia ,pois o regulamento não permite que se desista na hora que se quer.
Com grande apreenção o feirante : Manuel Peixoto

Sem comentários: